Tag Archive for voos domésticos

Aerolíneas Argentinas divulgam estimativas para o fim do ano

O presidente da companhia de linhas aéreas Aerolíneas Argentinas, Mariano Recalde, afirmou durante entrevista ao Travel Update que a empresa deve fechar o ano com oito milhões de passageiros transportados em seus voos.

Aerolíneas Argentinas

Recalde comentou: “Quando o Estado recuperou a empresa, em 2009, eram cinco milhões. No ano passado transportamos mais de sete milhões e esse ano as projeções mostram que vamos ultrapassar os oito milhões”. Segundo dados divulgados pela empresa de linhas aéreas argentina, o seu segundo maior emissor de voos é o Aeroparque Jorge Newbery, que vem apresentando o maior crescimento dentre todos. No entanto, o aeroporto metropolitano é o que tem maior fluxo de passageiros da companhia.

Aerolíneas Argentinas é a maior companhia de linhas aéreas da Argentina, tanto em voos internacionais como domésticos. Além disto, é responsável por cerca de 80% dos voos domésticos e 40% dos internacionais que partem do Aeroporto Internacional Ministro Pistarini, localizado na região de Ezeiza, em Buenos Aires. Aerolíneas Argentinas e LAN Airlines são as únicas empresas de linhas aéreas latino-americanas que voam à Oceania. A companhia é mundialmente conhecida por oferecer os voos comerciais que passam mais próximos à Antártida, na rota entre Buenos Aires e Sydney. Os voos da companhia de linhas aéreas que ligam Buenos Aires à Sydney cruzam o Oceano Antártico (ou extremo sul do Oceano Pacífico), passando a cerca de 435 km ao norte da Ilha Siple, localizada no litoral da Terra de Marie Byrd, na Antártida.

Em julho de 2008 o Grupo Marsans foi obrigado a se retirar do comando da companhia pelo estado argentino por dívidas que chegavam ao valor de 890 milhões de dólares. O governo argentino então decidiu estatizar a empresa com o objetivo de manter os empregos e as rotas em funcionamento. Após inúmeras negociações com a oposição que era contra a entrada do estado e o pagamento das dívidas herdadas da administração passada, o projeto foi aprovado no senado argentino em setembro de 2008 e transformado em lei em dezembro do mesmo ano. Em Janeiro de 2009 a presidenta argentina Cristina Kirchner nomeia uma nova diretoria para administrar a empresa. Essa nova diretoria terá como missão renovar a empresa com a compra de novos aviões e a reativação de rotas abandonadas após a crise vivida pela empresa.

Aerolíneas Argentinas

Ótimos resultados do Grupo Air France-KLM em 2011

As linhas aéreas do Grupo Air France-KLM, incluindo a Martinair, transportaram 75,7 milhões de passageiros em 2011, com os voos intra-europeus, incluindo os domésticos, a somarem 68,4% do total ou 51,8 milhões, mais quatro milhões que em 2010, e os intercontinentais, 31,6% ou 22,9 milhões, em alta de um milhão.

Air France-KLM

Segundo os dados publicados mensalmente pelo grupo, o número de passageiros apenas cresceu em todos os setores de rede, à exceção das rotas do setor África e Médio Oriente, que sofrem o impacto da instabilidade em vários países do norte da África e Médio Oriente.

O tráfego na Europa, incluindo os voos domésticos, foi o que mais cresceu, tendo um aumento de 8,4% ou quatro milhões de passageiros, o que também se deve ao fato de 2010 ter sido um ano de várias perturbações, a mais forte das quais a decorrente da presença da nuvem de cinzas expelida por um vulcão na Islândia, que provocou o fecho do espaço aéreo de vários países em alguns dias de abril e maio.

As rotas da Ásia Pacífico também cresceram. Apenas a rota África e Médio Orientesaldou-se por uma queda de 2,1%, aproximadamente 114 mil passageiros, para 5,2 milhões em 2011.

Esta evolução decorre de 79,6% do aumento de passageiros nas companhias do grupo ter sido nos voos intra-europeus, enquanto contributo dos voos intercontinentais foi de 20,4%, com 13,1% nas ligações transatlânticas.

Air France-KLM

X